Novidades
 
NOVIDADES NA CIRURGIA DA COLUNA VERTEBRAL:

Evolução:

A ortopedia evoului diáriamente!! Com essa afirmação pode-se concluir que novas e modernas técnicas de tratamento surgem a cada dia. Na área de cirurgia da coluna vertebral não é diferente, pelo contrário, é sem dúvida a especialidade da ortopedia que mais apresenta novidades e opções aos pacientes e médicos.
 
 
 
 
Toda essa modernidade deve-se ao fato de que o número de pessoas atingidas por patologias da coluna é cada vez maior e mais freqüente, levando a necessidade de novos e eficazes tratamentos. Com o aumento da longevidade vemos que cresce a importância de um diagnóstico precoce, evitando assim que doenças tratáveis em pacientes relativamente jovens evoluam para patologias muito avançadas na 3ª idade, de difícil tratamento (com riscos bem maiores) e com resultados parciais.
 
Atualização:
 
 
 
A busca constante por novas técnicas e atualização deve ser um dos objetivos do cirurgião responsável e preocupado com seus pacientes. Geralmente buscamos essa atualização em Congressos, cursos, simpósios, treinamentos específicos direcionados a alguma técnica especial e jornadas da área. Somente nos últimos 12 meses participei ativamente de mais de 8 cursos/treinamentos específicos na área da cirurgia da coluna vertebral, sendo 4 deles realizados no exterior.
 
Novas técnicas:
 
Algumas das mais modernas técnicas aplicadas no 1º mundo, leia-se Estados Unidos e Europa, são também realizadas pela nossa equipe, que através da constante e responsável atualização tem chegado a excelentes resultados.
 
Algumas das técnicas listadas abaixo tem trazido excelentes e gratificantes resultados para aqueles pacientes que não alcançam melhora nos tratamentos conservadores , sendo hoje considerada por alguns dos maiores cirurgiões do mundo como as melhores opções nos casos selecionados.
 
 
# Nucleoplastia: É uma técnica minimamente invasiva, realizada em caráter ambulatorial, sem cortes, utilizada para tratamento de dores na coluna e/ou nos membros superiores/inferiores provocada por desgaste e/ou protusões/hérnias discais na coluna cervical e /ou lombar.
 
Artroplastia cervical: A artroplastia ou prótese cervical é uma das grandes novidades para o tratamento de hérnias e/ou desgaste da coluna. Até pouco tempo, a artrodese (fixação com parafusos) era a opção mais utilizada, entretanto, o uso das próteses possibilitou uma cirurgia mais rápida, menos agressiva, com menores complicações e com média de 36hs de internação. Mas a principal vantagem em relação ao uso de parafusos é a não fixação e com a manutenção da mobilidade da coluna, uma das principais queixas do paciente que realiza a cirurgia de artrodese.
 
 
 
 
Fixação dinâmica lombar (Wallis e Dynesis): Essas são sem dúvida as grandes novidades para os pacientes que sofrem de dores crônicas da coluna lombar devido à doença degenerativa e/ou hérnias discais. Essas são técnicas minimamente invasivas, com riscos e comorbidades bem menores quando comparadas as técnicas tradicionais, tendo o paciente alta geralmente em 36-48hs, sendo que em outras técnicas esse período pode chegar a 7 dias. Mas novamente a principal vantagem é o fato de que esses procedimentos não bloqueiam completamente a mobilidade do segmento operado, ao contrário das técnicas de artrodese.
 
 
 
Responsabilidade:
Essas são apenas algumas das principais novidades à disposição dos pacientes e médicos, entretanto, todas essas técnicas devem ser indicadas e utilizadas de forma responsável e somente por profissionais qualificados e treinados, já que cada paciente apresenta uma patologia específica, que deve ser avaliada individualmente por profissional qualificado a fim de evitarmos resultados insatisfatórios. É importante salientar que toda essa “modernidade” não é indicada para todos os pacientes e que as técnicas tradicionais tem seu espaço garantido por que também apresentam ótimos resultados quando corretamente indicadas e realizadas.
 

Home | Dr. Fernando | Coluna | Tratamentos | Dicas | Links | Fotos de convenções | Textos | Contato
© 2017 Dr.Fernando Gritsch Sanchis